Moradores de favela de Rio instalam painéis solares em resposta aos preços altos de eletricidade

Rio de Janeiro, 27/01/2016 – No sábado, 30 de janeiro de 2016, os moradores da favela da Babilônia (Leme) estarão inaugurando as duas primeiras instalações solares fotovoltaicas no Mirante da Babilônia, no Leme. De acordo com um grupo de moradores … Continue lendo

Publicado em Alternativas emergindo, Energia Solar | Deixar um comentário

Ser verde é viável, prova Alemanha

The New York Times / Folha de S. Paulo POR MELISSA EDDY JANEIRO 21, 2016 BERLIM — Muitos líderes políticos e empresariais zombaram quando a Alemanha decidiu fazer uma transição para a energia renovável, comprometendo-se a desenvolver novas fontes de eletricidade, … Continue lendo

Publicado em Alternativas renováveis, No mundo | Deixar um comentário

É preocupante a situação energético-ambiental

Valor ECONÔMICO 15 de janeiro de 2016 Joaquim Francisco de Carvalho * Os rios brasileiros estão secando – e os organismos governamentais responsáveis pela proteção ambiental, em especial o Ibama e a ANA, são incapazes de impedir a devastação das bacias … Continue lendo

Publicado em No Brasil, Textos para Reflexão | Com a tag | Deixar um comentário

Quanto custa armazenar o resíduo nuclear francês? Governo ainda não sabe

Instituto Humanitas Unisinos Quinta, 14 de janeiro de 2016 Quanto custará enterrar os resíduos radioativos franceses no subsolo da comuna de Bure, no departamento de Meuse? Desde o início do projeto do Cigéo (Centro Industrial de Armazenamento Geológico), o número permanece … Continue lendo

Publicado em No mundo | Com a tag , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

O Brasil não precisa de usinas nucleares

Joaquim Francisco de Carvalho * O GLOBO 21/12/2015 Apesar da desastrosa gestão imposta ao setor energético, o racionamento de eletricidade tem sido evitado pela queda da demanda, provocada pela recessão econômica. Mas isto não evitará futuros apagões, porque as mudanças … Continue lendo

Publicado em Energia Nuclear, Textos para Reflexão, Usinas Nucleares | Deixar um comentário